(Foto: Divulgação/Prefeitura de Americana)

A Vigilância Epidemiológica de Americana informou nesta quarta-feira (23), que está realizando o cadastro de moradores para a xepa da vacina, ou seja, utilizando sobras de doses referentes aos grupos elegíveis e, dessa forma, garantindo a imunização de mais moradores, além da população dos grupos previstos na fase atual da campanha.

Para ser beneficiado com esta modalidade, o morador precisa ter 40 anos ou mais, independente do grupo prioritário a que pertence e ainda não ter recebido a vacina. Ele deve deixar o nome completo e um telefone para contato em uma das unidades básicas de saúde do município. Nesse caso, havendo disponibilidade de dose a unidade entrará em contato com o morador. Portanto, não se trata de um agendamento, mas sim de um cadastro.

A Vigilância fará a convocação das pessoas de acordo com o laboratório referente ao grupo a que elas pertencem, por exemplo, para receber a vacina da Pfizer serão chamadas as gestantes e puérperas, os deficientes permanentes, os profissionais da Educação com idade entre 18 e 44 anos, além das pessoas acima de 50 anos, público-alvo cuja vacina deste laboratório veio destinada.

Na hipótese de não haver pessoas desses grupos, os demais serão convocados, mediante contato telefônico, sendo que o comparecimento deve ser imediato, caso contrário, outra pessoa será convocada.

A Vigilância Epidemiológica reforça que não existe a possibilidade de escolha de laboratório ou atendimento de prescrições médicas (conforme NT 04/2020 do CVE), já que cada grade de vacinas vem destinada ao público de origem e não pode ser desviada.

“A xepa da vacina é somente a dose que sobrou em frasco aberto para pessoas agendadas, que por ventura faltaram, com isso não existe um número certo ou previsto a ser destinado diariamente. Contudo a média diária tem sido de dez a quinze pessoas atendidas diariamente por essa modalidade”, explicou a enfermeira coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Carla Brito.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui