(Imagem: Reprodução/Secretaria de Comunicação/Governo de SP)

O Comitê de Blitze, do Governo do Estado e da Prefeitura de São Paulo, encerrou duas festas clandestinas que estavam acontecendo com 275 pessoas na rua Tabapuã, no Itaim Bibi e com 177 participantes na rua dos Trilhos, na Mooca, neste domingo (4) em São Paulo.

Agentes da Polícia Civil, Polícia Militar, Procon, Vigilância Sanitária Estadual e órgãos municipais, flagraram os dois estabelecimentos descumprindo medidas sanitárias como distanciamento social e algumas pessoas não usavam máscaras de proteção. Os locais foram autuados e fechados.

A Vigilância Sanitária inspecionou 27 estabelecimentos e autuou oito na Capital. Os bairros inspecionados foram Lapa, Vila Leopoldina, Bela Vista, Consolação, Itaim Bibi e Mooca.

Comitê de Blitze

Criado no dia 12 de março, o Comitê de Blitze tem como objetivo reforçar as fiscalizações e o cumprimento das medidas restritivas da fase emergencial e evitar a propagação do coronavírus.

Integram o Comitê agentes da Guarda Civil Metropolitana e da Covisa (Coordenadoria da Vigilância Sanitária) pela Prefeitura de São Paulo. Pelo Governo do Estado, atuam profissionais da Vigilância Sanitária, Procon e das Polícias Civil e Militar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui